Estamos vinculados

Estamos vinculados
INSTITUTO CONTA BRASIL - “Unir-se é um bom começo, manter a união é um progresso, e trabalhar em conjunto é a vitória.” Henry Ford

OFICINA DE CONTAÇÃO DE HISTORIAS - Colegio Salvador


A Oficina dos Sonhos foi adaptada para os professores de Educação Infantil do Colegio Salvador. Foi bom ver o interesse dos profissionais compromissados com as crianças! Eis os temas abordados na oficina:

A contação de história e a Educação Infantil

Anos 70- Discurso renovador da leitura na escola (modificações nas relações entre leitura e escola);

Autoritarismo das estratégias de leitura na escola. (Paulo Freire);

Dimensão pedagogicamente errônea (cobrança de leituras);

Conceito difundido desde então (Gosto pela leitura);

A contação de história, não constituindo propriamente uma atividade de leitura da criança passa a ser defendida e associada ao incentivo ao gosto dentro de uma atmosfera prazerosa e lúdica.

A contação de histórias e o desenvolvimento emocional da criança

Os contos de fadas atualizam ou reinterpretam, em suas variantes ,questões universais como a formação dos valores,misturando fantasia e realidade no clima do ERA UMA VEZ...’’

As ansiedades e eventuais problemas de angústia do cotidiano são supostamente bastante profundas, e é justamente no enriquecimento de seus recursos internos para enfrentá-las que as histórias infantis são um benefício.

Como ser um contador?

“Não existe fórmula mágica”

1. Escolha uma história de que você deseja contar e que a tenha lido muitas vezes;

2. Conte para alguém antes de contar para todo o mundo;

3. Faça um relaxamento, respire e concentre-se;

4. Feche os olhos e imagine o cenário, os personagens, o tempo...

5- Prepare as crianças, motivando –as com uma conversa introdutória. (“Hora do conto”);

6- Mostre o livro fale (se quiser) do autor;

7- Combine se vai haver interrupção ou não, depende de você;

8- Tenha cuidado com sua postura e os

vícios de linguagem;

9- Antecipe um pouco do tema e associe com a vida;

10- Leia ou conte de memória com expressividade;

11- Intercale , quando for o caso, com cantigas;

12- Prenda a atenção usando um tom de voz agradável;

13- Diferencie a voz dos personagens;

14- Faça sons e onomatopeias imitando os personagens e os acontecimentos;

15- Crie suspense;

16- Delimitar pelo tom de voz o desenvolvimento da história com tons para a introdução, desenvolvimento, clímax e final;

17- Usar novas palavras para o enriquecimento do vocabulário infantil;

18- Seja natural, deixe falar o seu coração e seduza o ouvinte para que ele deseje ouvir novamente.

Que histórias contar?

CONTOS DE FADAS

CONTOS MARAVILHOSOS

FÁBULAS

LENDAS

MITOS

CAUSOS

Porque contar histórias? (benefícios)

“ O culto do livro passa pela tradição oral” - Daniel Pennac.

Contar histórias é a mais antiga das artes.

Ø Segurança;

Ø Troca afetiva;

Ø Desenvolvimento da criatividade e da linguagem;

Ø Deleitar a criança;

Ø Infundir o amor à beleza;

Ø Desenvolver sua imaginação;

Ø Desenvolver o poder de observação

Ø Ampliar experiências;

Ø Desenvolver o gosto artístico;

Ø Estabelecer uma ligação interna entre o mundo da fantasia e o da realidade;

No sentido da língua as histórias oferecem:

Ø Enriquecem a experiência;

Ø Desenvolvem a seqüência lógica;

Ø Esclarecem o pensamento;

Ø Educam a atenção;

Ø Desenvolvem o gosto literário;

Ø Fixam e ampliam o vocabulário;

Ø Estimulam o interesse pela leitura;

O FOGO DA ALFABETIZAÇÃO ESTÁ CRIADO PELAS FAGULHAS EMOCIONAIS QUE VOAM QUANDO UMA CRIANÇA, UM LIVRO E UM ADULTO QUE LÊ ENTRAM EM CONTATO.

Obs: Postei apenas alguns itens mais importantes da oficina. Depois postarei mais alguns, não menos importantes. Mas ja deu pra ter uma ideia da oficina, ne????


Postar um comentário